Rondônia, Hoje é

Governo de Rondônia esta sendo acusado de compra de 100 mil kits rápidos em testes falso positivo

Postado Dia junho 12th, 2020

  Os testes distribuídos pelo Governo de Rondônia para as Prefeituras do Estado é um dos alvos da Operação Dúctil. Esses testes vinham sendo alvo de reclamações, pois testavam um falso positivo, o que acabava por inflar os casos de Covid-19.

A PF investiga irregularidades no processo que resultou na aquisição de 100 mil testes rápidos. Após denúncia o Ministério Público passou a investigar, onde resultou no bloqueio do pagamento da quantia de R$ 3.150.000,00 (três milhões, cento e cinquenta mil reais).

Foi apurado que os valores foram pagos de forma adiantada pela Secretaria de Saúde para a empresa Buyerbr Serviços. Nos levantamentos foi constatado que o valor total do contrato era de R$ 10.500.000,00 (dez milhões e quinhentos mil reais), e ficou acordado entre as partes a entrega do material no prazo de 10 dias, condicionado ao pagamento adiantado de 30%, ou seja, R$ 3.150.000,00 (três milhões, cento e cinquenta mil reais) pelo Governo de RO. 

O objetivo da Operação Dúctil é apurar supostas irregularidades na aquisição, pelo Governo do Estado de Rondônia, de insumos e produtos hospitalares para o enfrentamento ao Covid-19.

FONTE: ARIQUEMES190

banner 2pe