Rondônia, Hoje é

CUJUBIM: Polícia Militar e Vigilância Sanitária estão notificando estabelecimentos que podem estar descumprindo o decreto do Governo do Estado

Postado Dia março 22nd, 2020

A Polícia Militar,  Polícia Civil e Vigilância Sanitária  estão realizando operação para notificar empresas que estão descumprindo o decreto do executivo estatual e federal quanto as medidas provisórias para prevenção e não proliferação do Covid-19.

Mesmo após emissão do decreto muitas empresas e até igrejas que não estão autorizadas a abrirem continuaram em funcionamento, inclusive na área rural onde uma equipe também notificou e solicitou o fechamento.

O decreto do Governo do Estado de Rondônia proíbe qualquer tipo de reunião com mais de 5 pessoas, em quaisquer circunstância e local inclusive em residencias.

 Equipes compostas por policiais civis e militares e técnicos da vigilância sanitária estiveram  na ação na noite deste sábado, 21/03, na cidade de Cujubim para que fosse cumprido o decreto de estado de calamidade decretado em 20/03. Foram fechados todos os bares,lanchonete,restaurante e até mesmo igrejas que estavam em descumprimento ao decreto.

De acordo com a Coordenadora da divisão de vigilância sanitária de Cujubim, “Foi uma ação cansativa porém,necessária. Espero que os proprietários compreendam e nos ajude a ajudar a todos neste momento delicado. Comércio fechado por 15 dias atendendo apenas entrega ou retirada no balcão.”

A Polícia Civil e Militar e prefeitura solicitam que esses comerciantes não persistam, pois estarão se enquadrando no Art.268 do código penal, Infringir determinação do poder público, destinada a impedir introdução ou propagação de doença contagiosa, pena, detenção de um mês a um ano, e multa.



.

fonte: rondoniatop

banner 2pe