Rondônia, Hoje é

Delegada diz que prefeito tenta impedir investigação de crimes

Postado Dia agosto 8th, 2019

Delegada diz que prefeito Eliomar Patrício já pediu para sua transferência para impedir apuração de crimes contra Administração Pública

A delegada de polícia Simone Barbieri, titular da Delegacia de Machadinho D Oeste (RO) enviou nota à redação do Diário da Amazônia para revelar a sua versão e a versão do seu marido, Ezequiel Martins Nunes, que é Secretário Geral da Câmara Municipal de Machadinho d´Oeste e que teria recebido R$ 13 mil, em forma de pecúnia, por férias vencidas, antes dos demais servidores que pleiteiam há mais tempo, pagos pela sua irmã, que é a presidente do legislativo municipal.

Na nota, a delegada relata que em relação ao pagamento de férias e diárias a Ezequiel, orienta a população a consultar o portal da transparência da Câmara de Vereadores ou procurar os envolvidos para os esclarecimentos que entenderem necessários.

No tocante ao trecho em que se afirma que ela “vive instaurando inquérito contra o chefe do Executivo”, Simone confirmou que, de fato, existem inquéritos em tramitação para apurar crimes contra Administração Pública Municipal, afirmando que o prefeito (Eliomar Patrício) já foi indiciado em um deles, enquanto outro já está na fase de conclusão, com o consequente indiciamento.

A delegada aduziu, ainda, que o Chefe do Executivo municipal procurou o Secretário de Segurança Publica e o Diretor Geral da Policial Civil na tentativa frustrada de macular sua imagem em razão das investigações que vem sendo realizadas para repressão aos crimes contra a administração pública local. Por telefone, a delegada disse à nossa reportagem que o prefeito já tentou até mudá-la de cidade, para tentar impedir as investigações, mas que o chefe do executivo não teve êxito e, portanto, as investigações seguem até o desfecho final.

Ainda segundo a delegada, ela já falou com o Secretário de Segurança Pública (Hélio Cysneiros Pachá) que “se colocou ao meu lado para o que precisasse e manifestou favorável à minha resposta”, por estar ciente da situação.

A redação tentou entrar em contato com a prefeitura de Machadinho do Oeste para buscar a versão do prefeito Eliomar, mas não conseguiu contato.

O Servidor público 

Ezequiel Martins Nunes, que recebeu R$ 13 mil de indenização por férias vencidas, mais diárias que ultrapassam o valor de R$ 5 mil, esclareceu que é concursado pelo Município de Machadinho D’ Oeste e está cedido para a Câmara Municipal. Esclareceu ainda, que a situação da cedência foi analisada pela promotora local que entendeu que não era caso de nepotismo, já que é concursado e não recebe nenhuma portaria, processo este que pode ser analisado junto ao Ministério Publico. Salientou que o processo de pagamento de férias e diárias estão no portal da transparência e se coloca à disposição para qualquer esclarecimento
Por fim, solicita seja publicado o processo de pagamento das férias na íntegra, pois nele ficará claro toda a tramitação, inclusive com a participação do Chefe do Executivo, que pode ser acessado através do portal de transparência da prefeitura no endereço http://servico.machadinho.ro.gov.br/

banner 2pe